7 de dezembro de 2009

Francine Piaia mostra seu apartamento!


Francine Piaia continua sendo notícia. Desta feita no Jornal O Globo e no EGO, ambos divulgando a mais recente conquista da bela Fofura. Segundo a reportagem do Ego, “há um mês Francine conseguiu realizar um sonho: montar um apartamento frufru, como ela mesma diz. “Sempre morei com namorados, nunca consegui ter uma casa assim, porque os homens não gostam, né? Mas nem está tão rosa como eu queria”, diz a Fofurinha, que se instalou em um pequeno apartamento de dois quartos dois na Barra da Tijuca, Zona Oeste do Rio.

Mas a cor rosa está bastante homenageada no novo lar de Fran: cama com colcha nesta cor, dezenas de bichinhos de pelúcia e porta-retratos que ganhou de fãs Brasil afora. O branco predomina nas paredes, em peças do mobiliário e em objetos de decoração. Foram as fãs, aliás, que ajudaram Fran a montar seu cantinho, como ela mesma disse: “Elas organizaram um chá de panela, e eu achei que ia ganhar paninho de prato, colher de pau, coisas assim. Mas me deram geladeira, microondas, máquina de lavar, TV de A.



A quantidade de admiradoras que apóiam Fran é muito grande e espalhado pelo país. Essas fãs tão fiéis que algumas já chegaram a tatuar o nome dela. “É meio doido, mas gosto da bagunça que elas fazem”, comenta. “A mulherada pira comigo”, diz Fran, que credita toda essa admiração à sua fofice (Não é só isso, Fran. Credite também à sua gentileza, seu carisma, sua autenticidade e simplicidade).


Francine mora sozinha e pensa em comprar o imóvel. Ela paga aluguel, mas já fez um bom pé-de-meia. Além do ensaio que fez para a “Playboy” – “rendeu bastante” -, continuam os convites para participar de eventos e para fazer presença em festas. “Faço pelo menos dois eventos por semana”. Nessas ocasiões, chega a embolsar R$ 25 mil em um único dia. “Estipulo meu preço, dou meu valor”, diz, toda cheia de si. Fran também lançou uma linha de material escolar com bloquinhos, agendas e cadernos - tudo com direito a, claro, muito rosa, coraçõezinos e uma bonequinha que ganhou o nome de Franzinha. “Virei uma mulher de negócios”, brinca.



Com o dinheiro que fatura, Fran presenteia a mãe (a mãe de Fran paga a luz que consome: não usa gato na fiação pública) – o último agrado foi um carro Citroën C3, que custa cerca de R$ 38 mil – e, é claro, compra mimos para si mesma. “Gasto muito com roupa e maquiagem”, diz ela, que chegou a torrar R$ 5 mil em roupas em um único mês. A ex-BBB também não economiza na hora de cuidar de seus “filhinhos”, o pug Frank e a shitsu Francis. Segundo ela, eles são sua maior companhia atualmente. Fran está solteira desde julho, quando terminou o namoro com Max. (Faz muito bem! É melhor ser mãe do casal de cachorrinhos que namorada de um cachorrão careteiro sem noção)


Ela não gosta de falar sobre o ex, nem mesmo de pronunciar seu nome. Mas seus “filhinhos” a lembram do tempo em que ficou junto ao vencedor do BBB. “Eles são da minha época de casada”, conta ela, que ganhou a fêmea do então namorado (babacão careteiro) e, ao se separar, pediu para ficar com o macho. Max e Fran não se falam, mas ela garante que não se arrepende de nada.. “Sou muito mulher para isso”, diz. “Era para ser, contribuiu para alguma coisa”. Página virada, ela acha “interessante ficar sozinha”, mas admite que está pronta para um novo amor. “Mas não procuro muito, tem que ser na sorte”.


(Ó, linda menina, não deve se arrepender mesmo, principalmente de ter cortado a comunicação com o grande farsante que a usou para vencer o BBB9. Você não é da laia dele, nem merece uma sogra maledicente e chegada a “GATOS”. Veja a cara do babaca careteiro que fez-lhe o grande benefício de sair da sua vida”.  Um cara que se comporta como é um adolescente deslumbrado e infantilóide, ninguém merece!



A turminha dele, a que o ajuda a queimar dinheiro em baladas e festinhas, não é a sua. Ele merece mesmo são aquelas jóias da vulgaridade, da futilidade que o ajudaram a infernizar sua vidinha, quando estavam juntos. Não cito os nomes para não revirar o meu estômago. Nem precisa, né mesmo?! Hehehehehehe


Ana Paula Andrade Do EGO, no Rio (modificado e acrescentado por Eva) Fonte: EGO


Postar um comentário