18 de setembro de 2018

Entrevista com Munik Nunes


Munik Nunes Reprodução Instagram

Munik Nunes foi a grande campeã do Big Brother Brasil 16 e levou a grande bolada de R$ 1,5 milhão, mas acabou confessando que passou por uma situação complicada.

Em uma entrevista para o programa Sensacional, a ex-BBB deu um depoimento e revelou que ao sair do programa estava sem um centavo e passou os dias seguintes indo ao banco para verificar se o dinheiro havia caído. “Eu estava sem dinheiro nenhum, quebrada, sem dinheiro no bolso. Só que toda vez que eu ia ao banco eu pegava o extrato. Quando eu peguei uma vez e vi aquele monte de número, aí apavorei. Dobrei o papel do extrato correndo, subi o prédio e depois de uma semana eu fui sacar o dinheiro e estava bloqueado", disse.

Tudo não passou de um grande mal-entendido, pois a gerente local escolheu como medida de segurança congelar a conta da musa. “A minha gerente de Goiânia bloqueou. Quando eu liguei e ela atendeu, a mulher falou que eu precisava ir até lá desbloquear, só que era impossível. Aí ela desbloqueou uma parte para que eu não ficasse no vermelho", contou.
A sister ainda disse que resolveu dividir o valor milionário com os pais e desembolsou metade para a manutenção da família. “Eu dei metade do prêmio para minha mãe e meu pai. Ele vivia caindo de moto, o trabalho estava perigoso. E hoje eu estou com a outra metade", disse.

por CARAS Digital

Esta história está mal contada. A campeã, ao sair, recebe o cachê de 3 meses de confinamento, fica com hospedagem garantida por algum tempo, uma mensalidade de R$ 4. 700,00 e começa a ganhar dinheiro com publicidade e outras coisas. 
As campeãs de 2017 (Emilly) e de 2018 (Gleici) foram um fiasco, não tiveram trabalhos e foram ignoradas pela mídia e pelas marcas.
Postar um comentário