18 de fevereiro de 2013

Fani & Natália: amigas ou namoradas? Eis a questão!


Se eu tinha alguma dúvida no que diz respeito à relação lésbica de Faniranha com Nataliranha, a partir da festa de ontem não vejo mais lugar para duvidar de que entre as duas existe mais que uma relação de amigas. Boninho já havia tentado esse tipo de casal no BBB11, com Diana, Natália e Paulinha. As duas primeiras dormiam na mesma cama, eram muito ligadas, rolava até ceninhas de ciúmes, mas não ousaram escancarar a pegação. Se houve prática de sexo entre elas, foi tão discreta que passou despercebida. Acredito que não tenham passado de uma troca de carinho, beijos, como vimos no casal Angelis e Manoella da Fazenda de Verão. Casais de lésbicas que são realmente homossexuais, não chocam nem pareces obscenas, porque prevalece o sentimento típico de pessoas que, de fato, só sentem atração sexual por outras do mesmo sexo. Portanto, como para elas é natural e honesta a relação amorosa, como há comprometimento afetivo e completude entre elas, inexiste o exibicionismo vulgar, não há espaço para fazer espetáculo público de luxúria, enfim é uma relação baseada no respeito por elas próprias e pelo sentimento que as une. Esse tipo de casal eu respeito, aceito e não fico chocada ao vê-las namorando discretamente, conscientes de que tem um importante lição a passar, de decência e verdade, contribuindo, assim, para minarem os alicerces do preconceito que recai sobre os homossexuais de ambos os sexos.
 O que não consigo respeitar e acatar é relação sexual lésbica entre mulheres que são heterossexuais declaradas, namoram sistematica- mente com homens e que por pura depravação e luxúria, na falta de um macho para acalmar seus clitóris flamejantes, pegam mulheres. Para aliviarem o peso da censura alegam que são bissexuais, como se bissexualidade existisse de fato. A bissexualidade se afirma como um eufemismo para mascarar a verdadeira natureza - perversa, depravada e sórdida- da relação entre pessoas do mesmo sexo que são heterossexuais, gostam da relação heterossexual, e apenas fazem sexo com parceiras/os do mesmo sexo por apreciar uma boa sacanagem, curtem a coisa vulgar, gozam com a obscenidade e realizam-se com o exibicionismo das suas façanhas sexuais, adoram chocar...

LEIA MAIS, clicando na frase abaixo


Faniranha e Natiranha não são lésbicas, são heterossexuais. Portanto se esquadram com perfeição no perfil dos que se dizem bissexuais, como já se declarou Faniranha, no livreco medonho de ruim que publicou.
Natália já teve namorado no BBB8 e na presente edição do programa. Ela foi até mais descarada com Yuri do que foi com Fernando, não deixa dúvida de que gosta de homem. Fani só não está com namorado, porque nenhum dos homens da casa estava querendo uma trintona decadente e pesadona.
Não havia entre elas a conotação sexual pesada e exibicionista das pegações das duas Biscas véias apadrinhadas por Bonis e Bial.
Na festa desta última quarta (13), a duas biscas véias se embriagaram (o que para elas é normal) e começaram a sensualizar uma com a outra. Na ocasião, Faniranha tentou beijar Natáliranha que se esquivou da amiga. Agora na festa deste sábado (16), foi a vez de Natália tomar a iniciativa da pegação escancarada e do show de exibicionismo lésbico, enquanto os demais apreciavam o deprimente espetáculo das duas bêbadas. Em uma das aproximações, Nataliranha beijou Faniranha, que retribuiu o selinho prolongado. As mãos calientes de Nataliranha deu pegadas bem pouco convencionais no corpo de sua amada, enquanto gritava estar toda úmida... Um espetáculo deprimente... 
Em um dado avanço da parceira, Faniranha alertou: "Segura Nat, olhe a câmera, aqui e o BBB", em seguida se afastou da ensandecida alcoolizada. Todavia, pouco adiantou se esquivar, pois Fani acabou soltando informações bem elucidativas sobre o relacionamento das duas: "A gente não está num hotel em Salvador. Fica quietinha, vai. É lindo, mas eu gosto em Salvador, em Caxias do Sul, aqui não". Dando a entender que as duas já tiveram relacionamento sexual fora do confinamento. Cadê a mulher livre, que faz tudo o que quer, que não tá nem aí para o público?
A própria Nataliranha brigou duas vezes com Yuri porque o deixou largado nas festas para ficar na pegação com Faniranha, a quem chamava de “minha marida”, além de ter convidado o namorado para transar a três com ela e Faniranha. Esta já relatou as transadas que teve com o namorado e uma amiga. Depois, Faniranha entrou no jogo, sensualizou e colaborou com as baixarias. Em alguns momentos, as duas pareciam estar no programa “Malícia”, cuja menção tanto incomoda Faniranha, ao ponto de dar patadas e coices em quem ousar perguntar pelo mesmo.
No dia seguinte da festa, Faniranha começou a se preocupar com o que se passa aqui fora: "Natália sempre se faz de santa, o que está acontecendo com ela?", questionou a carioca. "Meu pai deve estar apavorado, dizendo: Faninha, você foi lá limpar o seu filme e queimou de vez", brincou a sister. "Antes, pelo menos, eu era heterossexual, agora há duas mulheres dando em cima de mim", disse a sonsa, referindo-se às veteranas Natália e Anamara, tentando bancar a inocente assediada por duas amigas taradas. Como se ela não tivesse dado espetáculos deprimentes em outras festas, se esfregando nos homens, agarrando Anagralha e beijando-a na boca, na marra. De qualquer forma, nas reprimendas dela a Nataliranha ficou claro que pegação só podem ser em outras cidades, em hotéis longe da mídia carioca. De qualquer modo, o que parece é que ela não está tranquila com as cenas de cabaré que protagonizou com a biscate que diz amar de paixão. Decerto tem consciência que relacionamento homossexual explícito e escancarado, em rede nacional, queima o filme dela, especialmente por já ter o antecedente avassalador do programa pornô com mulheres que fez no Multishow, no qual rolava cenas fortes de lesbianismo dela com outras mulheres, sem falar na PlayBoy que fez com Nataliranha de temática lésbica. Esse comentário infeliz pode ser o tiro dado no próprio pé de Faniranha, especialmente se ela pretendia limpar a imagem e jogar para o esquecimento público a sua participação no tal programa pornô (Malícia). Vamos ver quais serão os desdobramentos das suas façanhas lésbicas nas próximas festas. Dependendo de como a edição vai mostrar o deprimente episódio, as duas exibidas poderão cair no bico do corvo.

Como as duas estão fora dos interesses da mídia, com escassos convites para trabalhos, é possível que estejam agindo assim pensando em receber convite para um segundo ensaio juntas na PlayBoy. Só que a revista não paga bem a quem não está na crista da onda. As duas estão envelhecidas e Faniranha pesadona, gorda e muito rodada. Acho difícil ela e Nat conseguirem um contrato com a PlayBoy, com a aparência que tem hoje... O tempo passou e a vidinha desregrada fez seus estragos no físico das duas. Nataliranha está muito envelhecida, de rosto encovado. Faniranha disforme, anda como se tivesse feito caca nas calcinhas... Não consegue juntar as pernas, com isso o andar fica masculinizado e pesado. Nem parece mais a garota enxutérrima de 2oo7.

Nenhum comentário :